Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

POLÍTICA

Taques avisa que só Deus e o povo o tiram do Paiaguás

 
O governador Pedro Taques (PSDB) participou nesta terça-feira de um evento de filiação do Solidariedade. Durante a reunião política, a primeira em que o chefe do executivo estadual marca presença no ano, Taques detonou os “revoltados de grupos de Whatsapp” e que “só Deus e o povo de Mato Grosso” tiram seu grupo do Paiaguás

Taques, ao conversar com a militância do Solidariedade, afirmou que é preciso que as pessoas participem ativamente da política. “Não adianta o cidadão ficar só como revoltado de grupo de Whatsapp, revoltado de boteco na sexta-feira, palpitadores gerais da República. Precisamos de pessoas que tenham militância e queiram participar”, disse.

O governador também afirmou que está alheio a críticas e que só Deus e o povo o tiram da reeleição. “Estamos de saco cheio de candidatos ‘miss simpatia’, que ficam de risadinhas. Não adianta criticar. Podem criticar a vontade. Nós estamos construindo um novo futuro para este Estado. Só Deus e o povo de Mato Grosso tiram a administração do nosso grupo político”.

Pedro Taques participou pela primeira vez no ano de um evento político. Ele exaltou alguns dos nomes que se filiaram nesta terça ao Solidariedade, como o deputado estadual Leonardo Albuquerque, que veio do PSD, e o secretário de Estado de Cultura, Kléber Lima, que por cerca de 30 anos foi filiado ao PCdoB.

“Estou com fome de trabalho e de ajudar aquele que mais precisa. Este é o primeiro ato político que eu participo em 2018. É uma honra ajudar o Solidariedade a crescer no Mato Grosso. Estamos aqui para assinar a filiação de militantes importantes. Aqui tenho dois amigos. O Leonardo em Cáceres teve 28 mil votos para deputado estadual. Eu tive 25 mil para o Governo. Ele teve mais votos do que eu. O Kléber Lima é um jornalista competente, um articulista respeitado, que está fazendo um trabalho notável na Secretaria de Cultura”, afirmou.

folha max

 

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE