Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Motorista embriagado avança preferencial, bate em outro carro e deixa adolescente hospitalizada

Acidente de trânsito aconteceu no cruzamento da Avenida Ismael Araújo e Trav. Turiano Meira, em Santarém. Motorista foi levado para a delegacia.

 

Uma adolescente de 13 anos foi hospitalizada na noite de sábado (9) após sofrer ferimentos durante um acidente de trânsito no bairro Santíssimo, em Santarém, no oeste do Pará. O carro em que ela estava foi atingido por outro que avançou a preferencial e era conduzido por motorista embriagado.

O acidente aconteceu no cruzamento da Avenida Ismael Araújo com Travessa Turiano Meira. A vítima identificada como Bianka Nunes estava com mais duas mulheres no carro.

Segundo testemunhas, o carro das mulheres seguia na Travessa Turiano Meira quando, ao se aproximar da Avenida Ismael Araújo, o veículo conduzido por Elinaldo de Jesus da Silva Rebelo avançou a preferencial.

Depois de bater em outro carro durante acidente, veículo parou em poste de energia no bairro Santíssimo — Foto: Débora Rodrigues/TV Tapajós Depois de bater em outro carro durante acidente, veículo parou em poste de energia no bairro Santíssimo — Foto: Débora Rodrigues/TV Tapajós

Depois de bater em outro carro durante acidente, veículo parou em poste de energia no bairro Santíssimo — Foto: Débora Rodrigues/TV Tapajós

O Corpo de Bombeiros fez o atendimento às vítimas e encaminhou a adolescente ao Hospital Municipal Dr. Alberto Tolentino Sotelo. O G1 entrou em contato com a assessoria da unidade hospitalar e aguarda resposta.

O Boletim de Atendimento de Trânsito (Boat) registrou a ocorrência e apresentou o motorista a 16ª Seccional de Polícia Civil.

De acordo com o delegado plantonista, Lucivelton Ferreira, foi constatada a embriaguez ao volante devido a sinais visíveis que o motorista apresentava. Ele foi submetido a exames no Centro de Perícias Científicas Renato Chaves.

Depois de ouvir o motorista, vítimas e Boat, foi arbitrada fiança de dois salários mínimos. Familiares pagaram a quantia pela internet e Elinaldo foi liberado. O caso vai ser comunicado a Justiça para os devidos procedimentos.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE