Variedades

Variedades

Fechar
PUBLICIDADE

Variedades

Britney Spears pede privacidade após internação: '''Sou forte'''

Cantora ainda pediu para que fãs não acreditem em tudo o que leem ou ouvem e cita e-mail falso escrito por Sam Lufti. Produtor nega acusações e cita tentativa da equipe de desviar a atenção do movimento Free Britney .

 
 -   /
/ /

Britney Spears gravou um vídeo e publicou em seu Instagram após sua internação. Nas imagens, a cantora pediu privacidade e, também, para que seus fãs, “não acreditem em tudo o que leem ou ouvem”.

No início do mês, Britney disse que está tirando um "tempo para si mesma" após se internar em uma clínica de saúde mental para conseguir lidar com a doença do pai. Em janeiro, a cantora cancela uma temporada de shows em Las Vegas para ficar ao lado dele. O pai da cantora foi hospitalizado no ano passado e ainda se recupera de problemas no intestino grosso.

I wanted to say hi, because things that are being said have just gotten out of control!!! Wow!!! There’s rumors, death threats to my family and my team, and just so many things crazy things being said. I am trying to take a moment for myself, but everything that’s happening is just making it harder for me. Don’t believe everything you read and hear. These fake emails everywhere were crafted by Sam Lutfi years ago... I did not write them. He was pretending to be me and communicating with my team with a fake email address. My situation is unique, but I promise I’m doing what’s best at this moment ?????? You may not know this about me, but I am strong, and stand up for what I want! Your love and dedication is amazing, but what I need right now is a little bit of privacy to deal with all the hard things that life is throwing my way. If you could do that, I would be forever grateful. Love you ??????

O site de celebridades TMZ disse que Britney se internou voluntariamente em uma clínica residencial e deve ficar no local por 30 dias. Mas em seguida, surgiram rumores de que a internação da cantora havia sido contra sua vontade, gerando nas redes sociais o movimento “Free Britney”.

“Eu queria dizer oi, porque as coisas que estão sendo ditas acabaram saindo do controle! Há rumores, ameaças de morte contra minha família e minha equipe, e muitas coisas malucas sendo ditas”.

“Estou tentando tirar um momento para mim, mas tudo isso que está acontecendo está apenas tornando isso mais difícil pra mim. Não acredite em tudo o que vocês leem ou ouvem. Esses e-mails falsos em todos os lugares foram criados pelo [produtor] Sam Lutfi anos atrás… Eu não os escrevi. Ele estava fingindo ser eu e se comunicando minha equipe com um endereço de e-mail falso”, afirmou a cantora.

“Minha situação é única, mas juro que estou fazendo o que há de melhor neste momento. Vocês talvez não saibam isso sobre mim, mas eu sou forte e luto pelo o que eu quero”, disse.

“O amor e dedicação de vocês são incríveis, mas o que eu preciso agora é um pouco de privacidade para lidar com todas as coisas difíceis que a vida está colocando em meu caminho. Se vocês puderem fazer isso, eu serei eternamente grata. Amo vocês”, finalizou a cantora.

Produtor nega acusações

Logo após a postagem do vídeo, o produtor Sam Lutfi usou as redes sociais para negar as acusações.

“Um post no Instagram de Britney me acusa de fabricar os e-mails dela que estão circulando recentemente. Eu possa afirmar seguramente que eu nunca escrevi nem tive nenhum acesso ao email dela. Isso é uma tentativa desesperada de sua equipe para desviar a atenção para mim e uma maneira bastante ineficaz de ofuscar o movimento Free Britney”, escreveu Sam.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE