Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Três voos são alternados para Santarém após incidente na pista do aeroporto de Manaus

Passageiros que ficariam em Manaus já estão acomodados em hotéis em Santarém. Incidente aconteceu com uma aeronave da MAP que fez pouso de emergência após decolagem.

 
 -   /
/ /

Três voos que tinham como destino Manaus (AM) tiveram que ser alternados para Santarém, no oeste do Pará, após um incidente na pista do Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, na capital amazonense. Um avião precisou fazer uma aterrissagem de emergência logo após a decolagem na tarde deste sábado (15).

De acordo com o superintendente do aeroporto Maestro Wilson Fonseca, Enock Gama, os voos alternados são da Gol e da Tam além de um jato executivo. As operações seguem normais em Santarém, apesar da capacidade de aeronaves em solo está completa.

Os três aviões têm como origem Brasília (DF), e um dos voos comerciais faria o trajeto passando por Manaus até Santarém. Os passageiros que ficariam no estado do Amazonas já foram acomodados em hotéis santarenos pelas companhias aéreas.

Conforme Enock, ainda não há previsão para que as aeronaves sigam para o aeroporto Internacional Eduardo Gomes.

O incidente

Após a decolagem, a aeronave de modelo ATR 42, prefixo PR-MPN, seguia para a cidade de Carauari, no interior do estado, quando apresentou problemas e precisou retornar para pouso de emergência.

Avião faz pouso de barriga no aeroporto de Manaus e voos são suspensos — Foto: Reprodução/redes sociais Avião faz pouso de barriga no aeroporto de Manaus e voos são suspensos — Foto: Reprodução/redes sociais

Avião faz pouso de barriga no aeroporto de Manaus e voos são suspensos — Foto: Reprodução/redes sociais

A aterrissagem ocorreu às 12h08 (13h08 pelo horário de Brasília), segundo informou a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero).

A empresa MAP Linhas Aéreas informou que duas pessoas tiveram ferimentos leves “em decorrência da pressa em sair da aeronave”. O avião tinha 34 passageiros a bordo.

As circunstâncias para o incidente ter acontecido serão investigadas pelo Cenipa, órgão da Aeronáutica.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE