Variedades

Variedades

Fechar
PUBLICIDADE

Variedades

Pró-Saúde debate captação e engajamento em 2º Encontro de Líderes de Voluntariado

 

Pró-Saúde debate captação e engajamento em 2º Encontro de Líderes de Voluntariado

As estratégias de captação e o engajamento de voluntários serão o foco da segunda edição do Encontro de Líderes de Voluntariado, promovido pela Pró-Saúde, que acontece no dia 27 de novembro, em São Paulo.

A programação do evento contará com a palestra de Telma Sobolh, presidente do Voluntariado do Hospital Albert Einstein. Ela irá compartilhar a experiência do Einstein para atrair novos voluntários.

Outra convidada, Priscila Rodrigues, abordará o tema engajamento de voluntários em ruas instituições onde atua como gerente de Voluntariado, na Liga Solidária e na Liga das Senhoras Católicas.

“Será uma oportunidade para refletir sobre as experiências da Pró-Saúde e de outras instituições, para que possamos estimular a cultura do voluntariado em todas as unidades onde atuamos”, afirmou a gerente de Filantropia da instituição, Regina Victorino.

Considerada uma das maiores instituições filantrópicas do País, a Pró-Saúde realiza hoje a gestão de 21 hospitais localizados em todas as regiões brasileiras e quatro centros de educação infantil na capital paulista.

O voluntariado, observa Regina, é uma atividade diretamente ligada às ações de filantropia. Por isso, “é um instrumento por meio do qual a população pode participar e contribuir com os serviços realizados em benefício da própria comunidade”, disse. “O voluntariado é um instrumento de cidadania”, acrescentou Regina.

Ela também destacou que o Encontro de Líderes de Voluntariado vai expor as ações bem-sucedidas desenvolvidas pela Pró-Saúde ao longo do ano.

“Foi um período importante porque a Pró-Saúde conseguiu desenvolver ações de voluntariado extremamente interessantes, envolvendo novas áreas do conjunto social. E queremos evoluir estimulando novas possibilidades de ações e soluções voluntária”, comentou.

Cases

Durante o evento, serão apresentadas as ações realizadas pelos voluntários em diversas unidades. Entre elas, o Hospital Materno-Infantil de Barcarena, localizado no interior do estado do Pará, que destacará a exposição fotográfica “Eu, depois de ti”. A mostra apresentou a relação familiar entre mães e bebês, com mensagens de experiencias reais e de ressignificações sociais. A ideia foi realizada pelas mãos do fotógrafo voluntário Otávio Henriques e já passou por dois locais.

O Hospital Estadual de Urgência e Emergência, em Vitória (ES), traz as ações de musicalização, que acontecem semanalmente nos corredores da unidade, com intuito de proporcionar um ambiente mais acolhedor para pacientes, acompanhantes, visitantes e colaboradores.

Já no Hospital Oncológico Infantil (Belém), o voluntariado se divide em diversas equipes que promovem artesanato, acompanhamento, ações de motivação, apoio religioso e decoração.

No Oncológico Infantil, também há voluntários que atuam com a promoção de eventos e foram responsáveis por diversas ações emocionantes. A mais recente e marcante, foi o noivado de dois pacientes que se conheceram durante o tratamento realizado na unidade.

Outro destaque é o Centro de Convivência e Apoio ao Paciente com Câncer (CECAN), que oferece serviços gratuitos aos pacientes com câncer e seus familiares em Mogi das Cruzes, região Metropolitana de São Paulo.

A unidade é um exemplo na questão de fidelização do voluntariado. Lá eles atuam em funções técnicas, como práticas integrativas, artesanato e palestras, e operacionais, para atendimento ao cliente e auxílio em diversas áreas como manutenção e eventos.

O evento

O 2º Encontro de Líderes de Voluntariado da Pró-Saúde será realizado no dia 27 de novembro, das 8h às 18h, na Barra Funda, capital paulista. A expectativa é que participem desta edição cerca de 80 profissionais, entre líderes de voluntariado, gestores e colaboradores da entidade, que atuam em diversos municípios do país.

O evento visa alinhar os trabalhos realizados em diferentes unidades, além de proporcionar uma troca de experiências entre os envolvidos na gestão das atividades.

Programa de Voluntariado

Criado oficialmente em 2016, o Programa de Voluntariado da Pró-Saúde padroniza a atividade e define a atuação desses agentes da solidariedade. Atualmente, cerca de 370 pessoas atuam como voluntárias em 15 unidades gerenciadas pela instituição, em cinco estados brasileiros.

Podem participar do programa pessoas com mais de 16 anos, com disponibilidade para atuar até 4 horas semanais. Os interessados podem preencher a ficha cadastral disponível no site: https://bit.ly/2Lfe8mv. Há ainda a opção de buscar informações pessoalmente na unidade de interesse.

Na Pró-Saúde, o Programa de Voluntariado tem a duração de um ano, que pode ser prorrogado por igual período. As atividades de cada voluntário são previamente definidas com base em suas preferências e habilidades.

São dez as áreas de atuação: animadores e palhaços; apoio à brinquedoteca; apoio especializado (para aqueles que possuem certificação); contador de história; cuidados com a beleza e higiene; eventos, ações e campanhas; interação musical; oficinas; posso ajudar e visita religiosa.

Sobre a Pró-Saúde

A Pró-Saúde é uma entidade filantrópica que realiza a gestão de serviços de saúde e administração hospitalar há mais de 50 anos. Seu trabalho de inteligência visa a promoção da qualidade, humanização e sustentabilidade. Com 16 mil colaboradores e mais de 1 milhão de pacientes atendidos por mês, é uma das maiores do mercado em que atua no Brasil. Atualmente realiza a gestão de unidades de saúde presentes em 22 cidades de 12 Estados brasileiros — a maioria no âmbito do SUS (Sistema Único de Saúde). Atua amparada por seus princípios organizacionais, governança corporativa, política de integridade e valores cristãos.

A criação da Pró-Saúde fez parte de um movimento que estava à frente de seu tempo: a profissionalização da ação beneficente na saúde, um passo necessário para a melhoria da qualidade do atendimento aos pacientes que não podiam pagar pelo serviço. O padre Niversindo Antônio Cherubin, defensor da gestão profissional da saúde e também pioneiro na criação de cursos de Administração Hospitalar no País, foi o primeiro presidente da instituição.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE