Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Belém registra 144 casos de meningite em 2019

Apesar do número elevado, a Sesma informou que não existe surto da doença, que é caracterizada pela inflamação das membranas que revestem o cérebro e a medula espinhal.

 

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (Sesma) de Belém, 144 casos de meningite foram registrados no município durante o período de um ano. A Vigilância Epidemiológica da Secretaria informou que não existe surto da doença, mas o alto número de casos assusta a população.

Um grupo de pais da Escola Municipal de Ensino Infantil e Fundamental Rotary, localizada no bairro do Condor, procuraram o Ministério Público do Pará (MPPA) para solicitar a higienização da escola e vacinação após dois casos da doença serem registrados, um em outubro e outro em novembro deste ano. O pedido foi atendido pela Sesma.

A meningite é uma inflamação das membranas que revestem o cérebro e a medula espinhal. A doença é geralmente causada por uma infecção, que pode ser provocada por bactérias, vírus, fungos ou traumas. A transmissão é de pessoa para pessoa, por meio das vias respiratórias, por gotículas e secreções.

De acordo com a Sesma, o número de casos registrados neste ano está dentro da média para a cidade, que é de 150 a 180 para o período. A Sesma informou ainda que os casos registrados não possuem relação por terem sido causados por agentes transmissores diferentes, em locais e períodos distintos. A Sesma não informou o número de mortes causadas pela doença.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE