Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Suspeita de torturar e tentar matar jovem de 16 anos é presa em Belém

Crime ocorreu em outubro de 2019, motivado pela disputa entre milicianos e traficantes. A vítima foi atacada com chutes, pontapés, golpes de faca de cozinha e teve sua tortura gravada pelo celular.

 

Uma das suspeitas de envolvimento na tentativa de homicídio de adolescente de 16 anos foi presa nesta quinta-feira (23), no bairro de Fátima, em Belém. Outras duas mulheres suspeitas de envolvimento no crime estão foragidas.

A tentativa de homicídio e tortura contra a vítima ocorreu no dia 8 de outubro de 2019, no bairro de Fátima. A motivação do crime seria devido um suposto envolvimento da vítima com milicianos do bairro, o que desagradou as acusadas que teriam ligações com facções criminosas.

Segundo as investigações da polícia, as três suspeitas premeditaram o homicídio. A adolescente foi conduzida para uma casa, onde consumiram drogas e depois as acusadas levaram a vítimas para a rua, onde a agrediram com chutes e pontapés. Além disso, a jovem foi atacada com golpes de faca de cozinha. Em seguida, as agressoras cortaram o cabelo da adolescente e torturaram psicologicamente, enquanto gravavam toda a ação pelo celular.

Numa tentativa de fugir das agressoras, a vítima correu para a rua Diogo Móia e em seguida se jogou da ponte do canal da Três de Maio, onde se fingiu de morta e conseguiu escapar.

Junto com o cumprimento do mandado de prisão, foi realizada busca e apreensão nas residências das acusadas, com o objetivo de localizar as imagens gravadas das torturas praticadas contra a adolescente. De acordo com a Polícia Civil, um pequeno trecho de gravação de parte da tortura foi obtido durante as investigações do crime.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE