Variedades

Variedades

Fechar
PUBLICIDADE

Variedades

Antes de reabrir, teatro em Berlim arranca cadeiras para manter distanciamento na plateia

Restaram 200 dos 700 lugares do teatro da famosa companhia Berliner Ensemble. Instituição voltará a funcionar em setembro.

 
 -   /
/ /

Antes de reabrir, em setembro, o teatro da famosa companhia de teatro Berliner Ensemble, em Berlim, mudou a configuração de suas cadeiras para manter o distanciamento social na plateia.

Vários assentos foram arrancados para aumentar o espaço entre os espectadores e evitar o contágio do coronavírus. Sobraram 200 dos 700 lugares habituais.

Plateia do teatro da companhia Berliner Ensemble, em Berlim, com cadeiras separadas para manter distanciamento social — Foto: Britta Pedersen/dpa-Zentralbild/dpa Picture-Alliance via AFP

O diretor artístico do teatro, Oliver Reese, definiu o arranjo temporário de cadeiras como uma “solução criativa” para manter a segurança do público em tempos de pandemia.

"Não é apenas nossa principal missão e obrigação como teatro público, mas também nosso desejo sincero de voltar ao palco", escreveu em um email enviado à imprensa. “Todos ansiamos pela normalidade. Mas tenho certeza absoluta de que nosso teatro funcionará com a mesma energia para 200 pessoas."

O teatro foi construído em 1892 e abriga a companhia de teatro do dramaturgo Bertolt Brecht (1898-1956) desde 1954.

Plateia do teatro da companhia Berliner Ensemble, em Berlim, com cadeiras separadas para manter distanciamento social — Foto: Britta Pedersen/dpa-Zentralbild/dpa Picture-Alliance via AFP

Plateia do teatro da companhia Berliner Ensemble, em Berlim, com cadeiras separadas para manter distanciamento social — Foto: Britta Pedersen/dpa-Zentralbild/dpa Picture-Alliance via AFP

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE