Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Patrimônio de candidatos à Prefeitura de Santarém vai de R$ 11 mil a R$ 1,4 milhão

Dados são do Tribunal Superior Eleitoral TSE , informados pelos candidatos. Neste ano, 8 candidatos concorrem às eleições para prefeito em Santarém.

 
 -   /
/ /

Os oito candidatos que disputarão a Prefeitura de Santarém nas eleições deste ano declararam à Justiça Eleitoral patrimônios que vão de R$ 11 mil a R$ 1,4 milhão. Os dados são públicos e estão disponíveis para consulta no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

A declaração de patrimônio é obrigatória para quem disputa as eleições. O primeiro turno está marcado para o dia 15 de novembro, por conta da pandemia, e o segundo para o dia 29 do mesmo mês.

O atual prefeito de Santarém, médico Nélio Aguiar que é candidato à reeleição pelo DEM, declarou o maior patrimônio entre os oito candidatos: R$ 1.422.231,00. Na lista de bens constam: terrenos na zona urbana de Santarém, terreno em Belterra, prédio comercial em Santarém, quotas de uma clínica, um veículo Ford Fiesta 2012, um terreno com igarapé na comunidade Vila Nova e dinheiro em espécie (R$ 980 mil). Seu vice, empresário José Maria Tapajós (PL) declarou patrimônio de apenas R$ 20 mil, sendo um terreno na região do Arapiuns, e uma casa na comunidade Vila Socorro, no Lago Grande (valor não informado).

A promotora de Justiça aposentada, Maria do Carmo, candidata à prefeita pelo PT declarou patrimônio de R$877.944,85, sendo dois apartamentos e uma casa em Belém, um terreno na vila de Alter do Chão e um veículo Fiat Siena 2012/2013. Seu vice, Bruno Pará (PP) não informou nenhum bem.

O empresário João Pingarilho (PSC) declarou patrimônio total de R$ 753.000,00, formado por uma caminhonete Hillux 2006, furgão da marca Renault, quotas de capital em duas panificados e um supermercado, dinheiro em espécie (R$ 50 mil). Sua vice, a enfermeira Daniela Batista (PSC) não declarou nenhum bem.

O empresário do ramo de navegação Ney Santana, candidato a prefeito pelo PSDB declarou patrimônio de RS 567.547,58. Na lista de bens constam uma casa em alvenaria, dois depósitos bancários em conta corrente e uma poupança (R$ 17.547,58). Seu vice, Rosivaldo Colares também do PSDB declarou patrimônio de R$ 130.000,00 referente a uma caminhonete Triton.

O coronel PM da reserva Héldson Tomaso, candidato a prefeito de Santarém pelo Patriota declarou patrimônio de R$ 442.308,79, sendo uma casa em Santarém, apartamento em Belém, poupança na Caixa (R$ 26.596,04) e um veículo Ford Focus 2015. O vice na chapa, professor Edivaldo Bernardo (PMN), declarou patrimônio de R$ 148.000,00, formado por uma hillux SW4 2015 e um Celta 2012/2013.

O empresário do segmento de hotelaria, Paulo Barrudada, candidato do PSL à Prefeitura de Santarém, declarou como patrimônio quotas societárias no valor de R$ 103.900,00. Seu vice, Paulão do Curuai (PSL) não declarou nenhum bem à Justiça Eleitoral.

O candidato do PV, Valdir Matias Jr declarou ter apenas um terreno urbano adquirido de seu pai, no valor de R$ 12.000,00. Já seu vice Ricardo Alencar (DC), não declarou nenhum bem.

De acordo com os dados informados ao TSE, Jesson Santos (PRTB) é o candidato com menor patrimônio, ele declarou um apartamento em Belém e um veículo Ford Fiesta 2011, que juntos somariam R$ 11.000,00. Sua vice, a cabo PM Katiane de Aguiar (PRTB) declarou uma moto Honda 2013 no valor de R$ 6.000,00.

Funciona Assim: O que faz o prefeito?

Funciona Assim: O que faz o prefeito?

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE