Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Agricultores familiares da região do baixo amazonas são orientados sobre acesso ao crédito fundiário

Serão realizadas oficinas de capacitação, seminários e minicursos. A programação começou na terça 29 e segue até sexta 2 em Santarém.

 
 -   /
/ /

Os agricultores familiares dos municípios de Mojuí dos Campos, Belterra e Santarém, no oeste paraense, participarão de uma programação que os orientará sobre o acesso ao crédito fundiário. A programação começou na terça-feira (29) e segue até sexta (2) em Santarém, no oeste paraense.

Ao todo, 90 pessoas se inscreveram para participar. As oficinas de capacitação, seminários e minicursos estão sendo ministrados pelas equipes da Secretaria de Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca (Sedap).

“Eles estão recebendo orientações de como acessar o programa, todos os critérios e as linhas de crédito”, informou a coordenadora da UTE da Sedap, Martha Pina.

A coordenadora da UTE explicou que existem três linhas de crédito que podem ser requisitadas pelos agricultores, dependendo do perfil que eles se encaixarem: o 'PNCF Social', o 'Mais' e o 'Empreendedor'. Sendo que o produtor avalia em qual dessas linhas ele se encaixa, dependendo da sua renda anual e patrimônio.

Programação

A programação iniciou na terça-feira (29), com o seminário direcionado aos agricultores e representações. O trabalho está sendo executado pela equipe da Unidade Técnica Estadual (UTE) da Sedap, que atua diretamente com o Programa Nacional de Crédito Fundiário (PNCF).

Nesta quarta-feira (30), ocorre a oficina de capacitação da Rede de Apoio e Conselhos Municipais de Desenvolvimento Rural Sustentável (CMDRS). A programação é direcionada aos membros do conselho.

Na quinta-feira (1º), técnicos da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará (Emater-PA) e das prestadoras privadas participam de capacitação.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE