Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Moradores de Ourém interditam PA-124 e protestam contra vazamento de resíduos em rio da região

Segundo os manifestantes, um vazamento de um tanque de uma fábrica de dendê teria causado a morte de centenas de peixes na região.

 

Moradores da vila Arraial do Caeté, no município de Ourém, no nordeste do Pará, interditaram um trecho da PA-124 na manhã deste sábado (3), em protesto pela morte de centena de peixes na localidade. Segundo os manifestantes, um vazamento de um tanque de uma fábrica de dendê teria causado a morte dos animais. Após negociações com a Polícia Militar, os moradores liberaram a via por volta das 13h.

Segundo os moradores, o problema começou na última sexta (2). Um vazamento de ácido de um tanque da fábrica teria contaminado o rio e matado os peixes. Eles dizem que, por conta da contaminação, não podem utilizar a água do rio para tomar banho, lavar louça e realizar outros afazeres domésticos.

Segundo os moradores da vila, há relatos de outros derramamentos de resíduos de dendê no rio.

Representantes da fábrica de dendê estiveram no local e conversaram com os manifestantes. A recomendação é de que ninguém utilize a água do rio por enquanto.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE