Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Rondônia e Acre recebem recursos para o Programa de Aquisição de Alimentos

Ao todo serão liberados R$ 2,7 milhões para os dois estados, com o objetivo de promover o acesso à alimentação e incentivar a produção dos pequenos agricultores rurais

 

O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, esteve em Rondônia e no Acre para mais duas escalas para a assinatura do Termo de Adesão ao repasse de recursos federais para o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA). Ao todo serão liberados R$ 2,7 milhões para os dois estados, com o objetivo de promover o acesso à alimentação e incentivar a produção dos pequenos agricultores rurais. 

Com a ação, mais de 1,3 mil agricultores familiares locais serão beneficiados, e mais de 145 mil pessoas em situação de vulnerabilidade social devem ser atendidas com as doações de 2,1 mil toneladas de alimentos. Dos 52 municípios do estado de Rondônia, 25 o PAA e dos 22 municípios do estado do Acre, 11 executam. 

Rio Grande do Norte e Ceará receberam mais de mais de R$ 6,5 milhões para execução do Programa de Aquisição de Alimentos

AM: Programa de Aquisição de Alimentos investirá R$ 45 milhões no estado

Nos últimos dias, o ministro passou por diversos estados para assinar a destinação dos recursos: Rio Grande do Norte, Ceará, Paraná, Santa Catarina, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Sul, Tocantins, Goiás, Pará, Amazonas, Mato Grosso e Minas Gerais. Já foram destinados  R$ 72,9 milhões para a execução do programa nos 26 estados e no Distrito Federal, auxiliando pequenos agricultores no enfrentamento da pandemia de Covid-19.

O ministro definiu o programa como  ponte do bem, da solidariedade entre aquele que produz e aquele que precisa do alimento. 


O PAA é uma das ações federais para a Inclusão Produtiva Rural das famílias mais pobres, e tem como finalidades a promoção do acesso à alimentação e o incentivo à agricultura familiar. Para o alcance dessas metas, o programa compra alimentos produzidos pela agricultura familiar, com dispensa de licitação, e os destina às pessoas em situação de insegurança alimentar e nutricional.

 

 

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE