Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

MG: Decisão suspende volta às aulas das escolas particulares no estado

Pedido foi feito pelo Sindicato dos Professores de Minas Gerais

 

O retorno das atividades presenciais nas escolas particulares de Minas Gerais está suspenso. A decisão do juiz da 5ª Vara da Fazenda Pública e Autarquias de Belo Horizonte, Rogério Santos Araújo, atende a um pedido do Sindicato dos Professores do estado e vale para todos os municípios mineiros, com exceção de Juiz de Fora, que não faz parte da base do sindicato.

Em virtude da pandemia, foi adiado o retorno às aulas em regiões classificadas como “onda verde” pelo Minas Consciente, plano criado pelo governo estadual para a retomada segura das atividades econômicas.

Programa Dinheiro Direto na Escola libera R$ 525 milhões para educação

FNDE prorroga prazos para a prestação de contas de programas educacionais até o fim do estado de calamidade pública

Segundo pedido feito pelo sindicato, a volta às atividades presenciais poderia colocar em risco alunos e toda a comunidade escolar, tendo em vista o alto nível de transmissão da Covid-19 e o grande número de casos e óbitos já confirmados. O sindicato alertou também que as escolas estaduais, em sua maioria, não possuem a estrutura mínima para retorno seguro das atividades.

 

 

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE