Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

MG: PF usará drones para coibir crimes no dia das eleições municipais

Em Uberaba, por exemplo, a Polícia Federal pretende usar 15 drones para acompanhar as movimentações dos eleitores nos dias de votação

 

Em Minas Gerais, as eleições municipais previstas para este ano terão um monitoramento diferente. Em Uberaba, por exemplo, a Polícia Federal pretende usar 15 drones para acompanhar as movimentações dos eleitores nos dias de votação. A ideia é prevenir crimes como compra de votos, boca de urna e transporte irregular de eleitores. 

De acordo com a PF, os drones também serão usados na fiscalização do pleito em outros sete municípios mineiros: Belo Horizonte, Uberlândia, Varginha, Divinópolis, Montes Claros, Governador Valadares e Juiz de Fora. Todos esses municípios contam com bases da corporação. 

Eleições municipais: Tribunal de Contas do Piauí atualiza lista de gestores com contas julgadas irregulares

Eleições Municipais terão plano de segurança sanitária

A ideia é que as imagens capturadas sejam transmitidas às equipes da Polícia Federal para avaliação e adoção das medidas adequadas a cada situação. No estado, todas as irregularidades identificadas serão comunicadas ao Gabinete Institucional de Segurança, que, por sua vez, vai acompanhar a investigação de cada uma delas.

Segundo o delegado da Polícia Federal em Minas Gerais, Daniel Fantini, “diante de algum flagrante de crime eleitoral, policiais se deslocarão, imediatamente para o local indicado, para prender os suspeitos, que serão conduzidos para a delegacia, onde serão tomadas as providências pertinentes”.
 

 

 

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE